“Muito tempo atrás, em uma galáxia muito, muito distante…”

Com essa frase em letras garrafais,  precisamente no dia 25 de maio de 1977, o primeiro filme da saga Star Wars chegava aos cinemas em vários países. Desde então, a odisséia estelar se transformou em um sucesso da cultura pop e angariou fãs espalhados pelo mundo todo. 

Com a popularização do fenômeno cinematográfico, os fãs até criaram uma data para celebrar tudo que se refere à Guerra nas Estrelas: o dia 4 de maio se tornou um “feriado não oficial” para os adoradores da franquia.

Em alguns lugares do planeta são organizadas grandes convenções e encontros para o Star Wars Day (Dia de Guerra nas Estrelas), com atividades especiais e concursos de fantasias dos personagens.

Por que no dia 4 de maio é celebrado o Star Wars Day?

Uma das frases mais conhecidas dos filmes de Star Wars se tornou um grito de guerra para os fãs da obra de George Lucas: “Que a Força esteja com você”. Em inglês, idioma original da produção cinematográfica, a frase é dita desta forma: “May the Force be with you”. 

Eis então que muitos adoradores dos personagens Chewbacca, Luke Skywalker, Princesa Leia e Darth Vader começaram a usar o trocadilho: “May the Fourth be with you", que traduzindo fica “Que o 4 (fourth) de maio (May) esteja com você”. 

#MayThe4thBeWithYou 

A primeira celebração do Star Wars Day aconteceu em 2011, através de um encontro organizado por fãs da cidade de Toronto, no Canadá. E então a data ficou popular em praticamente todos os cantos do mundo. 

Frase May the 4th be with you com fundo preto

Star Wars: que a força esteja com a marca (e a venda de produtos)

A franquia criada há mais de 40 anos por George Lucas ganhou várias continuações que sustentaram o fenômeno, angariando não apenas troféus do Oscar e reconhecimento, mas milhões de dólares com a venda de produtos, como desenho animado, brinquedos, jogos, roupas e calçados e todo tipo de artefato relacionado à marca.

Star Wars é um fenômeno e qualquer produto que carrega seu nome vira um sucesso de vendas, atingindo várias gerações de fãs. 

Depois que a franquia foi adquirida pela Disney em 2012, seu lucro cresceu 22% e sua receita 8%. Nos primeiros meses de 2016, a própria empresa anunciou um lucro recorde de US$2,88 bilhões, 32% acima do ano anterior, impulsionada pelo sucesso do sétimo episódio da saga: Star Wars – O Despertar da Força. 

Mas como foi possível uma sequência de filmes virar uma marca e gerar vendas de produtos? Isso acontece porque Star Wars é uma marca registrada e pode licenciar produtos. Entenda mais a seguir.

sapatos e bonés com estampa Star Wars

O que é Registro de Marca

O Registro de Marca é um título concedido pelo INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial), que garante utilização exclusiva da marca em todo o território nacional dentro do seu segmento de mercado. O Registro protege legalmente o dono da marca contra cópias ou utilização indevida (sem autorização) por terceiros.

Os Sabres de Luz protegem os Jedi, certo? Fazendo uma analogia, podemos dizer que o Registro é como uma arma que protege quem está do lado luminoso da força: o empreendedor! :) #MayTheForceBeWithYou

Só é proprietário de uma marca quem efetivamente possui o Registro da mesma, tal como a escritura de um imóvel. Portanto, ter a Marca Registrada é ter segurança para investir no próprio negócio, sem correr riscos de perder algo tão importante como o nome ou o logotipo. 

Além disso, somente Marcas Registradas podem ser utilizadas para transações comerciais como licenciamento, como é o caso da marca Star Wars. 

Botão de direcionamento para assistir vídeo dos benefícios de registrar a marca

O que é licenciamento de marca 

O licenciamento de uma marca é um contrato onde o licenciado “aluga” os direitos de parte de uma propriedade intelectual protegida (nome, imagem, logotipo, personagens ou composição de mais de um destes elementos) de um licenciador, que é o dono da marca.

Mas não é qualquer marca que pode ser licenciada. Ela tem que ter um certo prestígio, ser conhecida do público e consolidada no mercado. E o mais importante: para ser licenciada, a marca precisa ser registrada no INPI em sua categoria correspondente.

A marca Star Wars pertence à gigante Disney, que é quem recebe dinheiro pelo licenciamento dos produtos que estampam elementos da saga espacial. Então, os direitos de uso da marca Star Wars e todos os seus personagens são cedidos pela Disney (que é o maior licenciador do mundo!), por um período determinado em contrato para algum fabricante.

Assim, os produtos com a marca Star Wars vendidos nesse período por esse fabricante geram lucro também à Disney, através do pagamento de royalties.

Trocando em miúdos:

Licenciador é o proprietário ou o detentor dos direitos da licença de uso da marca.

Licenciado é a empresa que contrata, “alugando” o uso da marca e colocando em seus produtos ou serviços. 

Quem licencia (licenciado) agrega aos seus produtos o prestígio da marca, e assim licenciadores conseguem rentabilizar e serem remuneradas pelo prestígio adquirido.

Personagens Star Wars em preto e branco

Star Wars não sobrevive apenas da bilheteria dos cinemas. Nunca uma frase fez tanto sentido: “Que a força esteja com você”.

>> [Vídeo 100% Grátis] Conheça os 5 Benefícios que somente o Registro de Marca pode oferecer à sua empresa. Assista agora! <<